Orgulhosa ilusão

16 julho 2017

Hoje pela manhã, lendo textos na internet me deparei com a seguinte frase:

"(...) as teclas de hoje são os parafusos dos tempos modernos."

Logo pensei: "Quanta verdade! As pessoas vivem para suas redes sociais e se esquecem de viver. Se Chaplin fizesse o filme hoje talvez esse seria o tema. Nunca fui de "viver nas redes sociais", uso bem menos que maioria dos meus amigos". 
E com esse pensamento, convencida de não fazer parte desse imenso grupo que possui as "mãos presas nos parafusos", orgulhosa em minha própria ilusão... levei o meu dia, um preguiçoso domingo regado a sono, uma biografia da Clarice e um pouco de Hitchcock, quase nada de redes sociais. Ao fim do dia saí na sacada e vi um lindo pôr do sol tingindo o céu de cores que enchem os olhos e o coração... Peguei o celular, abri o instagram, tirei uma foto linda, virei as costas e entrei pela porta... Dois passos para dentro de casa e a verdade me atingiu em cheio, minha orgulhosa ilusão estilhaçada me mostrou que sim, ainda tenho minhas mãos presas aos parafusos desta modernidade.
Desliguei o celular, voltei para a sacada, e por lá fiquei, quanto tempo não sei, não quis ligar o celular para ver a hora. A foto? Deletei. Aquele pôr do sol, naquela sacada, naquele instante único, era meu e de ninguém mais.

Entenda, não digo que é errado postar uma foto bonita de algo belo, mas que antes disso, os olhos tenham absorvido ao máximo o momento, e que só depois de talhado na memória, ele venha a ser compartilhado no instagram, por exemplo. Não é errado ter uma rede social para manter contato com pessoas que estão longe, mas que isso não nos leve a afastar os que estão perto. Que não façamos da nossa felicidade uma foto com filtros, legendas pensadas e likes. Isso é muito raso para o que vida é.

Que aos poucos possamos aprender a viver nestes tempos modernos. Amém!

Bárbara Paloma

P.s.: O texto que li foi no blog Um sofá, recomendo que leiam, é excepcional!

4 comentários:

  1. "Aquele pôr do sol, naquela sacada, naquele instante único, era meu e de ninguém mais." Essa frase me chamou muito a atenção, realmente devemos ter o nosso próprio momento para nossa própria apreciação e não apenas compartilhar num "modo automático". Assim como no texto, eu também uso pouco redes sociais, devemos viver na nossa vida real, guardar o que é realmente importante.
    Adorei o texto, muito bom!
    Beijos e uma excelente semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vanessa! O 'modo automático', como disseste, é o meu maior medo. Ainda que não use tanto esse frenesi dos posts, likes e afins, que vemos por ai, respinga no nosso cotidiano, e o ponto é justamente esse: mesmo o pouco que usamos, assume um significado que o torna muito, e deixa de ser "compartilhar algo belo", para ser "belo compartilhar algo". As fotos não são mais momentos de felicidade gravados em imagens, e se tornam apenas poses e filtros, e o mais triste, uma pessoa se torna um perfil.
      Fico feliz que tenha gostado do texto. Algumas lições que a vida dá merecem ser compartilhadas, no melhor sentido rsrs.
      Abraço carinhoso!

      Excluir
  2. Seu texto expressa bem os fatos da atualidade, no qual muitas vezes o mundo é reduzido as redes sociais e a coisas superficiais que não nos damos de conta e ficamos estagnados a um pequeno mundo, sendo que podemos ser livres dentro desse universo de novidades, paisagens, sentimentos e momentos reais. Essa reflexão é importante, pois nos leva a pensar sobre nossos cotidianos e a forma como o vivenciamos, quais caminhos alterar e como buscar nossa felicidade completa, algo que a partir da reflexão compete a nós as escolhas. Excelente texto! ótimo vir aqui. Beijos e tenha uma ótima semana! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato! A superficialidade do olhar torna o mundo pequeno e diminui a vida, que é tão bela, tão intensa e tão imensa. Faz das pessoas um padrão de vitrine opaca que esconde o universo lindo que alguém pode ser. Não precisamos nos privar por completo dessa face da modernidade, mas sim refletir sobre, e moldar nosso olhar para ir além desse mundo superficial.
      Que bom que gostou, ótimo ter você aqui!
      Abraço carinhoso, e ótima semana.

      Excluir

Fique a vontade para comentar...
Críticas são bem vindas, e elogios sempre serão.
Abraços...

 
FREE BLOGGER TEMPLATE BY DESIGNER BLOGS